Escolas de verão – 2020

Escolas de verão – 2020
© LETI

Todos os anos, as instituições de ensino superior russas realizam programas curtos para estudantes estrangeiros. Quais cursos estão disponíveis neste verão – leia o artigo.

Áreas de Humanidades

Escola intensiva de verão de língua e cultura russas

Universidade Federal dos Bálticos (Kaliningrado)

Datas: 27 de julho – 21 de agosto

Receção de candidaturas: 1 de maio

Idioma da escola: russo

Propinas: 50 000 rublos (inclui a preparação de um convite para visto, estudos, alojamento nos dormitórios, excursões).

Curso intensivo concebido para aqueles que querem aprender a língua russo e mergulhar na cultura russa. Os participantes da escola vão ter aulas diárias – 3 blocos de 90 minutos cada uma, além de um extenso programa cultural, como master classes, visitas guiadas pela cidade, visitas a museus e, naturalmente, uma viagem ao mar pelas cidades de instâncias de férias, localizadas perto de Kaliningrado.

Escola de verão em língua e cultura russas

Universidade ITMO (São Petersburgo)

Datas: 1–28 de julho

Receção de candidaturas: 24 de maio

Idioma da escola: russo e inglês

Propinas: 1 semana – 200 euros, 2 semanas – 300 euros, 3 semanas – 450 euros, 4 semanas – 600 euros.

A escola possui vários módulos (1 módulo = 1 semana = 2 ECTS), pode escolher uma duração diferente do curso e escolher um tópico de interesse, como os estudos de russo de conversação, unidades fraseológicas, declinações, cinema russo, teatro, literatura, história e até rock russo, preparação para o TORFL e muito mais. Estão disponíveis grupos para estudantes com diferentes níveis de conhecimento de russo, desde o básico ao avançado.

susu_GOL_1199.jpg
© SUSU

Escola de verão de língua e cultura russa

Universidade Federal de Kazan (Kazan)

Datas: 6–17 de julho

Receção de candidaturas: 6 de maio

Idioma da escola: russo

Propinas: 25 000 rublos – inclui os estudos, o alojamento no dormitório da universidade (desde 600 rublos, se houver lugares disponíveis) ou numa família de acolhimento (pagamento mediante acordo).

O curso é dirigido a estudantes de russo como língua estrangeira. O programa inclui prática de conversação, aprendizagem de gramática, fonética, leitura, compreensão, prática de redação, cursos especiais em estudos regionais, literatura e cultura russa. Além disso, será oferecido aos participantes da escola uma visita guiada pela cidade de Kazan, uma visita ao Kremlin, os Antigos Subúrbios Tártaros, museus, encontros com estudantes russos, noites temáticas, concursos.

O verão russo

Universidade Lobachevsky (Nizhny Novgorod)

Datas: 6–24 de julho

Receção de candidaturas: 20 de julho – para cidadãos da UE, 21 de maio – para cidadãos de outros países.

Propinas: 35 000 rublos (inclui os estudos e programa cultural).

A escola de verão foi concebida para estudantes que desejam aprender mais sobre a Rússia. O programa envolve o estudo intensivo da língua russa em pequenos grupos formados tendo em consideração o nível de proficiência na língua. As aulas são ministradas por especialistas no campo da filologia, psicologia e estudos culturais. Tradicionalmente, os participantes da escola têm um programa cultural e de entretenimento intenso. Em Nizhny Novgorod existem muitos locais históricos, museus, bonitas avenidas marginais e excelentes restaurantes.

лети_03.jpg
© LETI

Escola de verão da língua russa

Universidade Estatal de Novosibirsk (Novosibirsk)

Datas: 1 de junho – 14 de agosto

Receção de candidaturas: 10 de abril

Idioma da escola: russo

Propinas: desde 320 euros (2 semanas) até 1 300 euros (11 semanas).

O principal objetivo do programa é imergir os participantes da escola num ambiente da língua russa e de aprendizagem intensiva de idiomas em grupos compactos. Pode escolher a duração dos estudos desde 2 até 11 semanas. Os estudantes vivem em Akademgorodok, um dos centros científicos da Rússia (o dormitório é pago separadamente). Os graduados recebem um certificado de conclusão de curso.

Escola de verão em língua russa

Universidade Federal da Sibéria (Krasnoyarsk)

Datas: 13–31 de julho

Receção de candidaturas: 31 de maio

Idioma da escola: russo, inglês, espanhol

Propinas: 500 euros (inclui os estudos, alojamento no campus da UFSib e um programa de excursões).

Os estudantes estrangeiros realizam estudos intensivos durante três semanas. As aulas são ministradas por professores qualificados da UFSib. Existem grupos para iniciantes e para aqueles que continuam a estudar a língua russa. O programa inclui 72 horas académicas. O resto do tempo é dedicado à comunicação, entretenimento e ao programa cultural.

urfu_6W5A6307.jpg
© UrFU

Escola de verão de língua e cultura russas “Férias na Sibéria”

Universidade Politécnica de Tomsk (Tomsk)

Datas: 13–31 de julho e 3–21 de agosto

Receção de candidaturas: 29 de maio

Idioma da escola: russo

Propinas: 30 000 rublos (inclui os estudos; taxa de inscrição – 75 euros, programa cultural – cerca de 6 000 rublos).

O programa curto da UPT é uma maneira rápida, eficaz e emocionante de aprender russo. É adequado tanto para iniciantes e para quem quer aprofundar os seus conhecimentos. As aulas são ministradas em pequenos grupos, onde os professores conseguem prestar atenção a cada participante da escola de verão. O programa também inclui visitas guiadas, conhecimento da natureza única da Sibéria, a participação em clubes de interesse, debates, master classes e muito mais. Os alunos da escola de verão têm a oportunidade de se preparar para o exame internacional de russo como língua estrangeira (TORFL) (níveis А1 – C2), fazer o exame e, se for bem-sucedido, obter o certificado oficial.

Escola de verão “Descobre a Rússia na verdadeira Rússia”

Universidade Federal dos Urais (Ecaterinburgo)

Datas: 3–9 de agosto; 3–16 de agosto

Receção de candidaturas: 15 de junho

Idioma da escola: russo, inglês

Propinas: 35 000 rublos (por 1 semana), 65 000 rublos (por 2 semanas).

Deseja aprender mais sobre a língua russa e descobrir a verdadeira Rússia, e não os locais para turistas? Então venha para a UFUr. O programa curto de verão dá uma ideia da cultura russa e da história secular, permite aumentar o seu nível de conhecimento da língua russa e, ao mesmo tempo, conhecer as características dos russos e das suas vidas nos Urais. Os graduados recebem um certificado de conclusão do curso e 4 créditos.

Áreas Técnicos

spbpu_DSC_6076.jpg
© SPbPU

Escola Politécnica Internacional “Tecnologias Espaciais”

Universidade Politécnica de São Petersburgo (São Petersburgo)

Datas: 6–17 de julho

Receção de candidaturas: para cidadãos dos países membros da União Europeia, do Irão e da Índia, e países sem visto – 8 de junho; para cidadãos de outros países – 20 de abril.

Idioma da escola: inglês

Propinas: 510 euros (até 23 de março), 540 euros (depois de 23 de março); inclui os estudos, alojamento no dormitório – de 7 a 10 euros por noite.

O programa visaos estudos das tecnologias modernas de engenharia espacial e os princípios básicos físicos associados à exploração espacial. O programa inclui o estudo das especificidades da indústria espacial e um curso intensivo de 6 horas de russo para iniciantes. Os participantes da escola vão poder familiarizar-se com São Petersburgo – o programa inclui não apenas caminhadas, mas também visitas guiadas pelos canais da cidade de barco; visitas aos palácios Hermitage, Peterhof e de Catarina.

Introdução à inteligência artificial: métodos, modelos, algoritmos

Escola Superior de Economia (Moscovo)

Datas: 22 de junho – 14 de julho

Receção de candidaturas: 3 de abril – para cidadãos de países que não são membros da UE; 10 de maio – para cidadãos da UE e países com entrada sem visto na Federação Russa.

Idioma da escola: inglês

Propinas: 388 euros (custo do curso + 43 euros taxa de processamento de inscrição).

Os participantes da escola vão aprender mais sobre os conceitos básicos da IA e aprender mais sobre aprendizagem-máquina, redes neurais, reconhecimento de imagens, e muito mais. As habilidades de programação são bem-vindas, mas não obrigatórias. Duração das aulas – 16 horas académicas, os graduados receberão 2 ECTS. O curso é realizado no âmbito da Universidade de Verão da ESE, a instituição de ensino superior oferece 30 programas curtos de vários temas, desde a matemática à linguística.

itmo_buddy4.jpg
© ITMO

Fontes de Energias Renováveis

Universidade Estatal de Eletrotécnica de São Petersburgo “LETI” (São Petersburgo)

Datas: 6–19 de julho

Receção de candidaturas: 15 de junho – para cidadãos de países com entrada sem visto (ou já com um visto russo); 10 de junho – para os cidadãos da União Europeia; 20 de maio – para cidadãos de outros países.

Idioma da escola: inglês

Propinas: 30 000 rublos (inclui apoio à migração, estudos, materiais de estudo, excursões).

A escola foi concebida para estudantes de licenciatura e mestrado que estudam eletrónica, eletrotécnica, física e ciência dos materiais. Podem contar com palestras sobre energia renovável, energia fotovoltaica, produção e teste de módulos solares baseados no silício, conceção e operação de centrais solares, e aulas práticas e em laboratórios.

Escola de programação

Universidade ITMO (São Petersburgo)

Datas: 1–28 de julho

Receção de candidaturas: 24 de maio – para cidadãos da UE, Noruega, China, Índia, Japão, Irão, América Latina e Islândia; 19 de abril – para cidadãos de outros países.

Idioma da escola: inglês

Propinas: 800 euros

A Universidade ITMO prepara programadores bem-sucedidos, e a equipa da instituição de ensino superior vence todos os anos competições de TI de prestígio. A escola de verão de programação é uma ótima oportunidade para melhorar as suas habilidades nessa área e conversar com os campeões. O programa inclui dois módulos: solução de problemas de programação e aprendizagem-máquina. O curso é destinado a estudantes de licenciatura, de mestrado e doutoramento.

tsu_577a3998.jpg
© TSU

Prática de desenvolvimento de aplicações Android e utilização de Big Data

Universidade Lobachevsky (Nizhny Novgorod)

Datas: 20 de julho – 16 de agosto

Receção de candidaturas: 21 de maio

Idioma da escola: inglês

Propinas: 45 000 rublos

RPara ingressar neste curso, é necessário possuir conhecimentos de cálculo, teoria das probabilidades, Java, XML e falar inglês (nível não inferior a B2). Os participantes da escola vão aprender as bases do desenvolvimento de aplicações móveis para Android, análise inteligente e trabalho com big data. E também vão conhecer a língua russa, a história e a cultura da Rússia.

Está interessado em alguma escola? Escreva diretamente para a instituição de ensino superior – para fazer isso, siga a ligação e registe-se na sua conta pessoal, preencha o formulário e selecione uma universidade, e não se esqueça de especificar o nome do programa. A resposta virá dentro de dez dias úteis.

Listamos apenas algumas escolas de verão que as instituições de ensino superior russas oferecem. Para saber mais, procure aqui um programa adequado ou informe-se junto das instituições de ensino superior.

Compartilhar
Não mostrar novamente
Envie uma candidatura para uma instituição de ensino superior russa gratuitamente e sem intermediários!