História do ensino superior russo

Imagem №1 – História do ensino superior russo
1687

Fundação da Academia Eslavo-greco-latina– a primeira instituição de ensino superior fundada na Rússia.

Imagem №2 – História do ensino superior russo
1724

Fundação da Academia de Ciências de Petersburgo – o protótipo da atual Academia Russa de Ciências.

Imagem №3 – História do ensino superior russo
1755

Fundação da Universidade Estatal de Moscovo (desde 1940 UEM de Lomonossov).

Imagem №4 – História do ensino superior russo
1870

Abertura dos primeiros cursos superiores para mulheres.

Imagem №5 – História do ensino superior russo
1899

Na Rússia existem 56 instituições de ensino superior.

Imagem №6 – História do ensino superior russo
1904

O notável cientista russo Ivan Pavlov, formado pela Universidade de São Petersburgo (atualmente Universidade Estatal de São Petersburgo), foi o primeiro russo a receber o Prémio Nobel pela investigação sobre a fisiologia da digestão.

Imagem №7 – História do ensino superior russo
1913

4 500 membros do corpo docente trabalham na escola superior da Rússia, 127 400 alunos estudam em instituições de ensino superior do país.

Imagem №8 – História do ensino superior russo
1917

Na Rússia existem 150 instituições de ensino superior.

Imagem №9 – História do ensino superior russo
1918

A Rússia foi o primeiro país do mundo a tornar o ensino superior gratuito. Foi aprovado o decreto segundo o qual todos os trabalhadores a partir dos 16 anos de idade podem frequentar instituições de ensino superior. A nacionalidade, o género e a existência de diploma não têm importância.

Imagem №10 – História do ensino superior russo
1918-1919

Criação de dezenas de novas universidades. Em primeiro lugar, foram abertas nas grandes cidades da República Soviética.

Imagem №11 – História do ensino superior russo
1928

Abriram-se os primeiros institutos politécnicos.

Imagem №12 – História do ensino superior russo
1930

Durante a reforma do ensino superior, as instituições de ensino superior subordinaram departamentos. Com base nas faculdades das principais universidades começaram-se a criar ramos dos institutos. Na década de 30 foram fundadas mais de 40 pedagógicas, médicas, econômicas e outras instituições. As subdivisões científicas alocaram-se em institutos de investigação. Abriram-se os primeiros faculdades e institutos com cursos noturnos e por correspondência.

Imagem №13 – História do ensino superior russo
1944-1945

Foi criado o fundo de dissertações.
Nos últimos anos da Grande Guerra Patriótica, foram abertas 60 novas universidades.

Imagem №14 – História do ensino superior russo
1950

No âmbito da melhoria da qualidade da educação decorre o processo de integração das instituições de ensino superior. Abrem-se instituições de ensino superior e faculdades de formação de profissionais na área de produzidas, engenharia eletrónica, automação, biofísica e bioquímica.

Imagem №15 – História do ensino superior russo
1981

Na URSS funcionam 494 universidades estatais.

Imagem №16 – História do ensino superior russo
1990

180 mil estrangeiros estudam em estabelecimentos de ensino da Rússia.

Imagem №17 – História do ensino superior russo
2003

A Rússia assinou a declaração de Bolonha, tornando-se parte do espaço europeu uniforme do ensino superior

Imagem №18 – História do ensino superior russo
2007

Introduzem-se na Rússia os graus de Licenciatura, Especialização e Mestrado.

Imagem №19 – História do ensino superior russo
2010

O Prémio Nobel da Física pela descoberta do grafeno é atribuído aos graduados pelo IFTM, Andrey Geym e Konstantin Novosyolov. No total, a Rússia deu ao mundo 42 laureados com o Prémio Nobel.

Imagem №20 – História do ensino superior russo
2014

21 instituições de ensino superior russas integraram a ranking institucional QS.

Imagem №21 – História do ensino superior russo
2013

É lançado o programa de excelência acadêmica das russos universidades – o Projeto 5-100, concebido para melhorar a competitividade das principais universidades russas no mundo.

Entrou em vigor a lei que estende os direitos dos cidadãos na educação, estabeleceu requisitos para os programas e padrões educacionais, garantindo a sua conformidade com os padrões internacionais de educação.

Imagem №22 – História do ensino superior russo
2015

13 instituições de ensino superior da Rússia integraram a lista das melhores universidades do mundo segundo.

Imagem №23 – História do ensino superior russo
2017

É lançado o projeto prioritário "Desenvolvimento da Capacidade de Exportação do Sistema de Ensino Russo".

24 universidades no ranking institucional QS.

28 instituições de ensino superior ocuparam mais de 140 posições em 38 categorias temáticas e setoriais do ranking QS.

27 universidades estão entre as melhores universidades do mundo no ranking THE.

Imagem №24 – História do ensino superior russo
2016

Na Rússia existem 896 instituições de ensino superior.

22 universidades na lista das melhores, segundo a versão QS.

24 instituições de ensino superior integraram a classificação institucional THE.

Imagem №25 – História do ensino superior russo
2018

Três instituições de ensino superior russas – as primeiras no ranking THE das melhores universidades de Eurásia.

27 instituições de ensino superior estão na lista das melhores do ranking institucional QS.

17 instituições de ensino superior entraram em 24 categorias temáticas do ranking ARWU.

358 instituições de ensino superior ocuparam lugares no ranking Webometrics.

Imagem №26 – História do ensino superior russo
2019

31 universidades – no ranking de disciplinas QS.

35 instituições de ensino superior entraram no Emerging Economies University Rankings THE.

Compartilhar nas redes sociais
Não mostrar novamente
Envie uma candidatura para uma instituição de ensino superior russa gratuitamente e sem intermediários!